As 12 melhores praias fluviais da região de Leiria

Há quem prefira refrescar-se nas águas límpidas de um rio e não faltam opções perto de Leiria. Estas são as melhores praias fluviais de Leiria e arredores.

Agroal

A cidade de Leiria não está longe das praias do oceano Atlântico. No entanto, há quem prefira praias fluviais para refrescar-se nos dias mais quentes do Verão. E a verdade é que são muitas as praias fluviais na região de Leiria. A grande maioria delas dista apenas alguns quilómetros de distância da cidade. São praias fluviais de excelente qualidade, rodeadas por natureza e com água pura e límpida. Muitas delas possuem o galardão de Bandeira Azul e são locais onde é possível desfrutar de bons momentos de lazer em família, especialmente com crianças. Estas são as melhores praias fluviais de Leiria e arredores.

1. Fragas de São Simão (Figueiró dos Vinhos)

A praia fica a 15 minutos a pé (pelo percurso pedestre) da Aldeia de Casal de São Simão. A água da ribeira de Alge, que passa a caminho do Zêzere, é tão límpida que se vislumbram as pequenas pedras, no seu interior. A abundância de loureiros e sobreiros proporciona ao ar uma fragrância reconfortante e o verde das serras circundantes, que nos conduzem à serra da Lousã, envolvem-nos num cenário belíssimo.

Fragas de São Simão

No local, existe um miradouro para que se possa usufruir em plenitude das paisagens da zona. A praia fluvial fica entre duas imponentes fragas, onde é praticada escalada com diversas vias equipadas, rappel ou slide. As pedras mais “pequenas” são usadas como solário ou prancha de mergulho. Ao caminhar para sul, ao lado da praia, encontram-se várias levadas e mantos da flora original da região. De 1 a 31 de Agosto, há transporte gratuito à tarde, a partir de Figueiró dos Vinhos.

Onde Ficar:

Booking.com

2. Praia Fluvial das Rocas (Castanheira de Pêra)

A Praia Fluvial das Rocas é um complexo de lazer, animação e divertimento situado num lago com quase 1 km de extensão, bem no coração de Castanheira de Pêra. Uma ilha no centro da Praia, uma piscina de ondas com 2100 m2 (a maior do país), uma albufeira e uma ponte secular constituem um ambiente onde o sonho e a realidade se confundem. As Águas límpidas da Ribeira de Pêra espraiam-se, formando um local de encanto onde palmeiras tropicais convivem harmoniosamente com a Serra da Lousã que espreita lá do alto.

Praia das Rocas

Pode, ainda, desfrutar de um passeio em barco a remos ou em gaivota, fazer slide, escalada ou rapel e ainda pernoitar num dos 6 bungalows perfilados na margem da albufeira, com vista privilegiada sobre o enorme espelho de água. Desde 2005, ano em que a Praia das Rocas abriu as suas portas ao público, registam-se anualmente cerca de 100 mil entradas.

Onde Ficar:

Booking.com

3. Lagoa da Ervedeira (Leiria)

A lagoa da Ervedeira situa-se na freguesia de Coimbrão, no extremo norte do Concelho de Leiria. Fundada a 1167 a Lagoa de Ervedeira é a única praia lacustre (lagoa) do distrito. Com 600 metros de extensão é um local de passeio e lazer em contacto com a natureza. Apesar de não figurar na lista de destinos balneares, tem duas zonas procuradas para fazer praia, uma delas com um bar de apoio. É um local que transmite uma paz única e fica apenas a alguns quilómetros da praia do Pedrógão.

Lagoa da Ervedeira

É uma lagoa de água doce rodeada de pinheiros bravos e mansos, eucaliptos, rosmaninho, alecrim e samouco, entre outras espécies como os caniços que proporcionam abrigo à grande diversidade de peixes, anfíbios, répteis, mamíferos e aves que povoam o local. Perdeu-se a tradição da pesca com cestos, narsas e enchalavadas, utilizados antigamente pelos habitantes da Ervedeira, mas continua a praticar-se pesca desportiva e outras atividades como a canoagem. A lagoa da Ervedeira está equipada com parque de merendas, uma passadeira de madeira percorre toda a margem ocidental (local ideal para a observação de aves) e é utilizada como estância balnear e local de aprazível lazer. Além da proximidade do Coimbrão e Praia do Pedrógão, a Lagoa de Ervedeira fica também próxima da Praia da Vieira e de Vieira de Leiria.

Onde Ficar:

Booking.com

4. Praia Fluvial do Poço de Corga (Castanheira de Pêra)

A Praia Fluvial do Poço Corga proporciona ao visitante a tranquilidade e serenidade necessárias para renovar forças e deliciar o corpo e o espírito. As paisagens bucólicas, que misturam o verde da Serra da Lousã com o azul do céu, o colorido das flores e o chilrear dos pássaros, propiciam um contacto pleno com a natureza.

Praia Fluvial do Poço Corga

Nos terrenos anexos à praia, um esplêndido carvalhal centenário oferece as indispensáveis sombras a um parque de merendas e o Museu “Lagar do Corga”, antigo lagar movido a energia hidráulica, recorda aos visitantes como os nossos antepassados produziam o azeite. A qualidade da água, o acesso pedonal, as rampas de acesso para pessoas com mobilidade reduzida, as instalações sanitárias adaptadas e com acesso facilitado, o serviço de primeiros socorros com nadador-salvador, durante a época balnear, são algumas das mais-valias oferecidas por esta praia.

Onde Ficar:

Booking.com

5. Praia Fluvial Ana de Aviz (Figueiró dos Vinhos)

Com uma represa que sustém a água da ribeira e forma um local de ambiente aprazível para tomar banho e desfrutar do sol, a Praia Fluvial Ana de Aviz é reconhecida a nível nacional pelas suas condições excepcionais. A acumulação de água da ribeira forma uma espécie de piscina onde se consegue ver, através da transparência, o chão regular em xisto.

Praia Fluvial Ana de Aviz

A área envolvente tem um espaço com relvado propício ao descanso, algumas sombras e aragem fresca proporcionadas pelos chorões. De 1 a 31 de Agosto, há transporte gratuito à tarde, com saída do Terminal às 14h30. As viagens são gratuitas.

Onde Ficar:

Booking.com

6. Praia Fluvial de Mosteiro (Pedrógão Grande)

Localiza-se no Concelho de Pedrógão Grande, na povoação de Mosteiro, a linha de água que banha esta praia é a Ribeira de Pera. Trata-se de uma praia rural, perfeitamente bem enquadrada na paisagem. Nesta praia para além de desfrutar da boa qualidade do ar e da água, pode também contactar directamente com duas infra-estruturas que retratam um pouco do passado da história e do património cultural do concelho. Trata-se de um lagar de azeite, que foi recuperado respeitando a sua traça e que actualmente é o apoio de praia – Bar/ Restaurante – e um moinho de rodízio, recuperado no âmbito do Projecto de Promoção e Requalificação dos Ecossistemas Ribeirinhos de Pedrógão Grande.

Praia Fluvial de Mosteiro

Importante salientar que a industria de moagem teve grande peso no concelho de Pedrógão Grande, facto confirmado pela presença de pelo menos um moinho de rodízio, de 500 em 500 metros, ao longo da ribeira. Esta praia fluvial está integrada na rede das praias fluviais do pinhal interior norte e tem a capacidade de oferecer aos seus visitantes um conjunto de actividades de cariz cultural e desportivo.

Onde Ficar:

Booking.com

7. Praia Fluvial do Agroal (Ourém)

A praia fluvial é a maior nascente do rio Nabão. Antigamente era muito procurada pelos seus supostos poderes terapêuticos, hoje enche-se de turistas e habitantes locais que só querem fugir do calor. A piscina central fica no sopé de um colina, de onde caem todos os dias cerca de dois milhões de litros de água. Só há um problema: a água tem fama de ser mesmo muito fria.

Agroal

A praia fluvial tem uma área de lazer, balneários e uma cafetaria, a Cafetaria do Agroal. O espaço fica mesmo em cima da piscina da nascente e tem uma pequena esplanada. A cafeteira só está aberta durante a época balnear e tem uma pequena esplanada.

Onde Ficar:

Booking.com

8. Praia Fluvial da Zaboeira (Vila de Rei)

Depois de conhecer a típica aldeia beirã da Zaboeira e atravessar as suas ruas estreitas e características, descobre-se a albufeira de Castelo Bode, com cerca de 60 km de extensão, construída no período áureo da política de aproveitamento de recursos hídricos, nos anos 50. Rodeada de colinas cobertas de pinhais, a barragem, uma das maiores reservas nacionais de água, que deve a sua existência ao rio Zêzere, proporciona passeios de barco tranquilos e a prática de alguns desportos aquáticos, além dos tão procurados banhos estivais na piscina flutuante.

Praia Fluvial da Zaboeira

Este cenário é complementado pela oferta da gastronomia regional, proporcionada pelo restaurante existente na povoação. A partir da Zaboeira, em direcção a Fernandaires, é possível desfrutar da vista panorâmica, com vários miradouros naturais. Esta praia foi galardoada com a Medalha de Ouro da Quercus.

Onde Ficar:

Booking.com

9. Praia Fluvial Olhos de Água (Alcanena)

Na freguesia de Louriceira, no concelho de Alcanena e distrito de Santarém, pode encontrar a Praia Fluvial dos Olhos de Água. Esta é uma praia muito conhecida pela natureza envolvente e por ter estar localizada na freguesia que, antigamente, era a terra do aqueduto que fazia ligação ao de Lisboa, sendo a responsável pelo abastecimento de água de grande parte da cidade de Lisboa.

Praia Fluvial Olhos de Água

Por ser um local que se cruza com os caminhos para Santiago de Compostela e para Fátima, muitos são os turistas que por aqui passam e aproveitam para fazer uma paragem no seu trajecto. Tal faz com a vigilância na entrada seja um ponto a favor de quem visita e passa umas horas nesta praia fluvial. Contudo, há que frisar que esta é uma praia não vigiada – sem nadadores salvadores, pelo que deve ter sempre cuidados redobrados, especialmente se for com a família e se nela estiverem incluídos menores de idade.

Onde Ficar:

Booking.com

10. Praia Fluvial da Aldeia do Mato (Abrantes)

A praia fluvial da Aldeia do Mato está localizada na baía da barragem de Castelo de Bode, em Abrantes. Aqui, as águas do rio Zêzere estão rodeadas por uma paisagem fanática de colinas e vales. Local agradável e com potencialidades únicas, apresentando-se como um centro de veraneio, ideal para quem ama a natureza e os desportos náuticos.

Praia Fluvial da Aldeia do Mato

Dentro das actividades que proporciona destaca-se a vela, remo, canoagem, passeios em gaivotas e kayaks, o windsurf, a pesca, natação e os passeios de barco. Dispõe de bar, parque de merendas e bungalows. O espaço envolvente da praia fluvial é ideal também para a realização de percursos pedestres, BTT e orientação.

Onde Ficar:

Booking.com

11. Praia Fluvial do Lago Azul (Ferreira do Zêzere)

Na Praia Fluvial de Castanheira, também conhecida como Lago Azul, mergulhe nas águas límpidas do rio Zêzere. Situada na Albufeira de Castelo do Bode, dispõe de óptimas condições para um dia de lazer, como piscina flutuante, bar, restaurante, posto de socorros, nadador salvador durante a época balnear, acesso a deficientes e estacionamento.

Praia Fluvial do Lago Azul

Este é o local ideal para a prática de vários desportos náuticos, como o windsurf, vela, jet ski, wakeboard, passeios de caiaque ou de gaivota, canoagem e ainda pesca desportiva.

Onde Ficar:

Booking.com

12. Praia Fluvial de Cardigos (Mação)

A Praia Fluvial de Cardigos está localizada a 5 minutos da freguesia de Cardigos, na estrada que liga Cardigos ao lugar dos Vales no concelho de Mação. Localizada junto da Barragem do Vergancinho, esta praia distingue-se sobretudo pela transparência da água.

Praia Fluvial de Cardigos

Tem churrasqueiras próprias, um espaçoso parque de merendas, um bar de apoio, e uma agradável zona de descanso. Existe ainda uma zona relvada muito convidativa para estender a toalha (com sombra natural) e um pequeno espaço com areia e chapéus de palha.

Onde Ficar:

Booking.com

Fonte: vortexmag.net